terça-feira, 17 de Março de 2009

Promoção da saúde oral - Higiene Oral

HIgiene Oral

A higiene oral deve ser abordada no contexto da aquisição de comportamentos de higiene pessoal. As aprendizagens deverão relacionar os saberes com as vivências, dentro e fora da escola.

A estrutura dos programas do ensino básico é suficientemente aberta e flexível para atender os diversos pontos de partida, os interesses e as necessidades dos alunos, assim como as características do meio. Deste modo, os conteúdos da saúde oral e da higiene oral podem ser associados ao desenvolvimento de hábitos de higiene pessoal e de vida saudável. No 1.º Ciclo, recomendamos que as crianças façam uma das escovagens dos dentes no próprio estabelecimento de ensino. Esta escovagem deve ser orientada pelos professores, a quem deverá ser dada formação para esta actividade, e regularmente, pelo menos uma vez em cada trimestre, supervisionada pela equipa de saúde escolar.
Será de estimular a auto-responsabilização da criança pela sua higiene oral, de manhã e à noite.

Escovagem dos dentes

Na escola, deve ser monitorizada a execução e a efectividade desta actividade. A execução da escovagem pode ser monitorizada através de um registo diário num mapa de turma, e a efectividade pode ser avaliada através da utilização do revelador de placa bacteriana e do cálculo do Índice de ‘Placa Simplificado’, realizado pelos profissionais de saúde.

Fio dentário


A higienização dos espaços interdentários deve começar a ser feita por volta dos 9-10 anos, quando a criança começa a ter destreza manual para utilizar o fio dentário. A técnica deve ser claramente explicada e treinada.

Bochecho fluoretado

Todas as crianças e jovens, que frequentam as escolas do 1.º Ciclo do Ensino Básico devem fazer o bochecho quinzenal com uma solução de fluoreto de sódio a 0,2%12.
As estratégias e técnicas de realização e implementação, na escola, das medidas de promoção da saúde oral preconizadas, encontram-se descritas no Texto de Apoio anexo a esta Circular Normativa, da qual faz parte integrante.

Obtido no Site: Top Saúde - Fonte: Direcção-Geral da Saúde

OUTROS LINKS:

Sem comentários:

Enviar um comentário